YouCat Online - O que é a eterna bem-aventurança?


"O ser humano é tão grande que nada sobre a terra o pode contentar. Só quando se volta para Deus ele fica satisfeito. Tira um peixe da água, que ele não conseguirá viver. Isso é o ser humano sem Deus." (São João Maria Vianney)

Corpus Christi


A celebração da festa de Corpus Christi, é o momento em que a Igreja solenemente comemora o Santíssimo Sacramento da Eucaristia. Nesta festa, o Santíssimo Sacramento sai em procissão às ruas, abençoando as nossas casas, nossas famílias, nossa cidade... Ela surgiu no século XIII, na diocese de Liège, na Bélgica, por iniciativa de uma freira chamada Juliana de Mont Cornillon, que recebia visões nas quais o próprio Jesus lhe pedia uma festa litúrgica anual, em honra da Sagrada Eucaristia. Após uma sucessão de fatos, em 1264, 6 anos após a morte da irmã Juliana, a festa de Corpus Christi foi decretada e em 1317 a festa foi estendida a toda a Igreja, devendo ser celebrada na primeira quinta-feira após o domingo da Santíssima Trindade.

Corpus Christi nos lembra de uma realidade que, por vezes, pode acabar passando por nós sem gerar nenhum tipo de “despertar”: o Senhor é Santo! A comunhão que recebemos de fato é o Corpo e o Sangue do Senhor, que é Santo! E, diante disso, somos convidados a uma reflexão: como temos nos colocado diante disso? O salmista nos diz: “Exaltai ao Senhor, nosso Deus, e prostrai-vos ante o escabelo de seus pés, porque ele é Santo.” (cf. Sl 98, 5). A nossa vida, as nossas ações, a forma como nos preparamos para receber – e como temos recebido o Corpo e o Sangue do Senhor – dizem com clareza que o Senhor é Santo? Exaltam ao Senhor? De forma muito especial, como temos vivido o zelo com a Sagrada Comunhão?


O Senhor, o Santo, deseja fazer de nós, tão pequenos e pobres, participantes da Sua santidade já aqui na terra, através da Eucaristia. Ele se dá a nós, que por vezes O recebemos sem amor, sem a preparação adequada... Sem nos darmos conta do que estamos recebendo. Sozinhos, nós não somos mesmo capazes de nos dar conta de profundidade do mistério do que ouvimos ao receber a hóstia consagrada: “Corpo de Cristo”. Peçamos auxílio ao Espírito Santo, que nos dá capacidade e nos ajuda a crescer em amor, zelo pelos mistérios de Deus. De forma concreta, que nós possamos também buscar preparar o nosso coração para a festa que iremos celebrar, através do Sacramento da Confissão, do jejum antes da Santa Missa, do recolhimento antes do início da celebração... Confiemos o nosso coração à Maria, Auxílio dos Cristãos. Ela nos ajudará a receber, não por nossos méritos, mas por graça de Deus, o Corpo e o Sangue de Cristo da melhor forma que pudermos, na pequenez de nossa humanidade. E que o nosso zelo se estenda aos outros dias das nossas vidas. O Senhor, em Sua bondade e amor, se dá a nós, não nos deixa sozinhos... Ele nos alimenta e torna-se para nós coluna de sustentação. Que o nosso coração, vivificado pelo Espírito Santo, corresponda ao Seu amor com o zelo devido.

YouCat Online - Conhece a Sagrada Escritura algum caminho para a felicidade?


Quem anseia pelo Reino de Deus e pela felicidade que só alcançaremos no Céu, busca na Sagrada Escritura a direção que deve seguir. As bem-aventuranças descrevem as características da vida cristã. À medida em que confiarmos nelas, seremos felizes.

SEMEANDO

VEM AÍ UM RETIRO MUITO ESPECIAL PARA OS QUE JÁ FIZERAM O SEMEAR!
Isso mesmo, temos um encontro especial. Mas se liga, as vagas serão LIMITADAS!!!
EM BREVE, MAIS INFORMAÇÕES 





YouCat Online - Como fundamentam os cristãos a dignidade humana?



"Onde desaparece Deus, o ser humano não se torna grande; ao contrário, perde a dignidade divina, perde o esplendor de Deus no seu rosto. No fim resulta somente o produto de uma evolução cega e, como tal, pode ser usado e abusado. Foi precisamente quanto a experiência desta nossa época confirmou." (Bento XVI, 15/08/2005)

YouCat Online - Por que precisamos da fé e dos sacramentos?


No programa dessa semana vamos partilhar a pergunta de número 279: por que precisamos da fé e dos sacramentos para viver bem e autenticamente? 

Pela fé, cada um de nós descobre que é filho, filha de Deus. Necessitamos da graça de Deus para viver essa verdade, por isso precisamos dos Sacramentos. Eles nos comunicam o que a nossa fé confessa. Os Sacramentos e os dons do Espírito Santo nos tornam capazes de viver aquilo que realmente somos: imagem e semelhança de Deus, seus filhos.